Um olhar sobre Carnaubais e outras coisas

Luizinho_Cavalcante

A relação do povo de Carnaubais com Luizinho Cavalcante é densa e sempre será, não é a toa que o mesmo foi empossado pela terceira vez prefeito do município, alcançando uma marca única na política da sua terra e com detalhes relevantes: primeiro reeleito e vitórias cada vez maiores, fazendo justiça à dimensão da sua luta de menino pobre.

Luizinho traz no seu currículo a alegria de ter começado cedo, enfrentado desafios e crescido na política sem padrinhos poderosos, nem máquina financeira. Quem conversa olho no olho com Luizinho, sabe que ele não pensa em Carnaubais sem acreditar que é sempre possível mudá-la para melhor. Portanto, dar-lhe vida nova a cada dia tem sido seu principal sonho e missão.

Hoje, Luizinho fincou em seu torrão algo muito além de um trabalho que faz Carnaubais ser muito melhor, fez o resgate, a construção e a renovação da história de um povo. Isso tudo ou vice-versa , lhe deu uma militância espontânea , baseado no que chama ‘Núcleos de Base’, que em nada lembra a alquimia eleitoral e financeira montada por seus adversários a cada eleição

Porém, depois de muito comemorar os 50 anos de emancipação política e administrativa, Carnaubais foi surpreendida com a notícia sobre uma decisão judicial cassando o mandato conferido ao seu filho Luizinho Cavalcante. Um mandato conquistado de maneira democrática, livre, soberana e, principalmente, porque esse povo sabia e acreditava que ficaria em boas mãos por mais quatro anos.

Logicamente, Luizinho está buscando o amplo direito de defesa instituído pelas leis brasileiras. O fato a lamentar sem prejuízo do meu sincero respeito pelas decisões do Judiciário é ver a Justiça cassar um momento histórico – construído de maneira democrática, livre e soberana – do povo de Carnaubais ou, indo um pouco mais a frente sem sair, logicamente, da história e sua essência, é saber que ela – a Justiça – pode barrar a inscrição do nome de Marina Silva nas urnas em 2014, porque a burocracia dos cartórios nega a validação de quase 200 mil assinaturas.

Porém, por outro lado, e muito próximo do caso que envolve Carnaubais e seu povo, enxergo ela – a Justiça – ser carinhosa ou displicente com alguém que figura na lista de cadastro do Banco Nacional de Devedores Trabalhistas com 557 ações por não ter respeitado pagamentos de direitos trabalhistas sagrados garantidos pela Constituição Federal aos funcionários de suas empresas.

Por Alderi Dantas – Jornalista

Deixe uma resposta

Você pode usar essas tags e atributos HTML <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*