TCE DA 72 HORA PARA PREFEITA DE DE PEDRO AVELINO NEIDE SUELY SE EXPLICAR SOBRE O PROCESSO SELETIVO E SUGERE SUSPENSÃO DE TODOS OS CONTRATOS

2017-09-20-PHOTO-00000192

Após revolta da população de Pedro Avelino a cerca de uma fraude realizada em processo seletivo da prefeitura Municipal de Pedro Avelino, a oposição apresentou representação perante o Tribunal de Contas do Estado, alegando falta de publicidade e outras fraudes havida no certame que implicou na contratação de 111 pessoas para prestarem serviços nos diversos cargos no Município.

O conselheiro relator Tarcisio Costa, acatando a orientação do corpo instrutivo que concluiu ter fortes indícios de fraude nesse processo, inclusive com atos de agressão aos princípios constitucionais como os da moralidade, atribui a prefeita atos de improbidade e má fé, sugerindo a suspensão de todos os contratos em sede cautelar, quando então o relator, antes de proferir a sua decisão concedeu a prefeita 72 horas para que apresente explicações.

a notificação já foi encaminhada e a população aguarda a decisão.

2017-09-20-PHOTO-00000191

2017-09-20-PHOTO-00000190

Deixe uma resposta

Você pode usar essas tags e atributos HTML <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*