Quero melhorar de vida’, diz faxineiro de 30 anos que fará Enem pela 1ª vez

João Firmino concilia os estudos com o trabalho em uma escola da Natal.Seu objetivo é tentar uma vaga em medicina, farmácia ou enfermagem.

faxineiro

“Quero melhorar de vida.” Com esse pensamento o faxineiro João Firmino da Silva Filho, de 30 anos, vai fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) pela primeira vez para tentar uma vaga em uma universidade. Ele trabalha como faxineiro em uma escola particular de Natal e nos últimos meses tem dividido o tempo entre o ofício e os estudos.

O sonho de João Firmino é fazer medicina, mas pela alta concorrência ele admite escolher outro curso na área de saúde. “Não tenho muito tempo para estudar por causa do trabalho, mas estou me esforçando e estou confiante. Se minha nota não der para fazer medicina posso escolher farmácia ou enfermagem, algo nessa área”, disse. Ele trabalha das 6h às 15h no Colégio Nossa Senhora das Neves, no Alecrim, na Zona Leste de Natal.

João nasceu em Nova Cruz, no Agreste potiguar, e há quatro anos se mudou para Natal em busca de emprego. Casado, ele conta com o apoio da mulher, Simone Luiz da Silva, de 25 anos, que também fará o Enem este ano. No pouco tempo livre que têm os dois aproveitam para estudar juntos para as provas que serão realizadas nos dias 8 e 9 de novembro.

Ele escolheu fazer a prova em Nova Cruz “porque também é uma oportunidade de rever a família”. João Firmino terminou o ensino médio em 2004 e voltar aos bancos da escola 10 anos depois está deixando o ‘novo estudante’ emocionado. “Vou fazer a prova na escola que eu estudei por muitos anos e me formei no segundo grau. Vai ser emocionante voltar lá pra fazer uma prova”, contou João.

Eu quero crescer na vida. A gente tem sempre que buscar melhorar”
João Firmino,
faxineiro

Se as coisas não saírem conforme planejadas, João nem pensa em desistir: vai continuar em busca do sonho maior que é melhorar de vida. “Eu quero crescer na vida. A gente tem que sempre que buscar melhorar. Eu quero ter filhos e quando eles chegarem quero ter condições de dar uma vida boa pra eles. Se eu não passar agora vou continuar estudando e tentar novamente”, disse.

O Enem será aplicado nos dias 8 e 9 de novembro e, nesta edição, tem 8,7 milhões de candidatos inscritos. No Rio Grande do Norte, de acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), são 221.082 inscritos.

G1

Deixe uma resposta

Você pode usar essas tags e atributos HTML <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*