Operação policial apreende arma em casa de vereador

Uma operação policial ontem comandada pelo delegado Sandro Regys, titular da Delegacia Regional de Polícia Civil de Patu, apreendeu armas e munições suspeitas de terem sido utilizadas em assassinatos que ocorreram este ano no município. Um dos alvos da ação foi a residência do vereador Alexandrino Suassuna, “Xanxan”, onde foi encontrada uma arma de grosso calibre, municiada.
O primo do vereador, o preso de justiça Ariano Suassuna, foi detido em flagrante com duas armas, várias munições e colete à prova de bala. Ele foi detido em sua residência e teve a prisão preventiva decretada.
De acordo com o delegado Sandro Regys, a operação começou às 5h, quando a equipe composta por policiais civis e militares deu início ao cumprimento de sete mandados de busca e apreensão, expedidos pela Comarca de Patu.
“Nós estamos investigando vários homicídios que ocorreram este ano em Patu e suspeitamos que as armas apreendidas possam ter sido usadas em alguns desses assassinatos. Para isso vou solicitar exames de balística com os projéteis encontrados nos corpos das vítimas”, destacou.
Durante a operação foram apreendidas,na casa de Ariano Suassuna, uma espingarda calibre 12 de repetição, uma pistola 380 com dois carregadores, 80 munições 380 e um colete balístico com perfurações. Na casa do vereador “Xanxan” a polícia encontrou um rifle calibre 38, municiado.
“Vamos encaminhar as armas ao Instituto Técnico e Científico de Polícia (Itep) para serem periciadas e conforme o resultado vamos anexar as provas aos inquéritos que estão em andamento”, concluiu o delegado.

Deixe uma resposta

Você pode usar essas tags e atributos HTML <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*