Ministro Henrique Alves abre exposição de turismo da ABAV em SP

24_09_2015_abav_inicio

A 43ª ABAV Expo Internacional de Turismo foi aberta nesta quinta-feira (24), em São Paulo, em clima de otimismo, embalado pelas boas perspectivas de público e de geração de negócios. Os organizadores estimam número recorde de visitantes, acima dos 40 mil profissionais, e realização de transações da ordem de R$ 400 milhões, durante os três dias do evento.

Ao participar da abertura da Abav Expo, o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, ressaltou a relevância do evento para o mercado de turismo e viagens no país.  Segundo ele, as agências, as operadoras e os demais segmentos do setor produtivo estão ajudando a consolidar a imagem do turismo como uma atividade econômica capaz de dar respostas rápidas à sociedade. “O PIB direto e indireto do turismo soma mais de R$ 490 bilhões. Geramos mais de três milhões de empregos e temos 62 milhões de consumidores no mercado de viagens”, afirmou.

A Abav Expo é um dos principais eventos do país, voltado para apresentação de novidades e tendências; exposição de produtos e serviços; qualificação profissional e troca de experiências entre profissionais e empresas do setor de viagens. Mais de 1,2 mil compradores foram convidados para a feira, que acontece no Pavilhão de Exposições do Anhembi.

Organizado pela Associação Brasileira de Agências de Viagens (Abav), com apoio do Ministério do Turismo, o evento reúne 3,5 mil marcas de 65 países. São mais de doze segmentos representados, entre companhias aéreas, hotelaria, cruzeiros marítimos, tecnologia, locadoras e segmentos como LGBT, ecoturismo e aventura, esportes; e destinos brasileiros e internacionais.

O presidente da Abav-SP, Constantino Karacostas, se mostrou satisfeito com a adesão dos patrocinadores e falou sobre a importância do evento para levantar as pautas que emperram o setor. “A feira tem três eixos: negócios, conhecimento e relacionamento. Somos uma exposição completa”, disse.

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, afirmou que o momento econômico difícil gera oportunidades para setores como o turismo. Ele também se mostrou favorável à facilitação de vistos aos turistas norte-americanos durante a Olimpíada: “em vez seis meses deveria ser um ano”, afirmou.

Um dos pontos altos da feira é o Congresso Abav de Turismo, espaço destinado à capacitação e aos debates sobre temas relevantes para os segmentos de agências e operadoras de viagens. A programação consta de 29 palestras, seis painéis, duas sessões plenárias e um espetáculo, distribuídos entre 24 e 26 de setembro.

A 43ª ABAV – Expo Internacional de Turismo abriga uma série de eventos paralelos. Entre eles o 44º Encontro Comercial Braztoa, o Abeta Summit, de turismo de aventura e ecoturismo, e a Ilha Corporativa – Encontro de Negócios da Abracorp (Associação Brasileira de Agências de Viagens Corporativas).

 

Fotos: Gustavo Messina

Assessoria de Imprensa

Ministério do Turismo

Deixe uma resposta

Você pode usar essas tags e atributos HTML <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*