Macau recebe o Expresso Judiciário para tentar agilizar processos

Nesta segunda-feira, 4, o Expresso Judiciário estará na Vara Cível da Comarca de Macau. A solenidade de instalação está marcada para às 11h, no Fórum da comarca. Participa da solenidade o presidente do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, desembargador Aderson Silvino.

O Expresso Judiciário é um programa que visa reduzir o acúmulo de processos nas comarcas pelo interior do estado por meio de mutirões e estruturação das secretárias judiciárias. Pelos números do Tribunal, Macau possui um acervo de mais de 5,3 mil processos.

A previsão é que o Mutirão Judiciário conclua 1.285 processos que deverão ser apreciados pelos juízes, sendo a maioria na área Cível, com 1.227, 58 na área de família e outros 92 deverão ter decisões proferidas.

É esperado também um número expressivo de despachos. Ao todo, 1.889 devem ser movimentados. Outras 310 audiências de instrução e julgamento ou conciliação foram agendadas. Haverá também procedimentos como certificação de prazos, aprazamento de audiências e juntada de documentos.

Os juízes que vão estar no Expresso Judiciário em Macau são Bruno Lacerda, designado para atuação na comarca, Marco Antônio Mendes Ribeiro e Klaus Cléber Mendonça.

Fonte: Defato

Deixe uma resposta

Você pode usar essas tags e atributos HTML <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*