Estoque cheio: venda de milho da Conab começa no dia 28 no RN

Entre janeiro de 2012 e outubro de 2013, a Conab vendeu um total de 140 mil toneladas de milhopróximo dia 18.

Outras 5.700 toneladas referentes ao leilão de seis de novembro começarão a ser embarcadas no próximo dia 18. Foto: Divulgação

 Companhia Nacional de Abastecimento no Rio Grande do Norte deve abrir a comercialização do milho do programa de balcão aos produtores a partir do próximo dia 28 de novembro.

Essa é a data estimada pelo superintendente da Conab no RN, João Maria Lúcio. Ele explicou hoje que as vendas iniciam normalmente sempre que os estoques nos armazéns atingem as cinco mil sacas ou 300 toneladas.
Esse milho, que, aliás, já começou a chegar esta semana em Mossoró, com a entrada de 76 toneladas, se refere ao leilão do último dia 24 de outubro de 4.784 toneladas.

Outras 5.700 toneladas referentes ao leilão de seis de novembro começarão a ser embarcadas no próximo dia 18 deste mês. E, no dia 26 de novembro, um novo leilão definirá o embarque de mais 1.200 toneladas para o estado.

Do carregamento que já começou a chegar, 1.000 toneladas são para o armazém da Conab em Assu; 1.000 toneladas para Natal (armazém de Caipós, na Cidade Satélite); 1.000 em Umarizal; 1.200 toneladas para Caicó e 500 toneladas para Lajes.
O carregamento seguinte já tem endereço certo: 2.284 toneladas  para Natal; 1.000 toneladas para Currais Novos e 1.500 toneladas para Mossoró.

Já o leilão que acontece no próximo dia 26 de novembro enviará 300 toneladas para Currais Novos; 300 toneladas para Mossoró e 600 toneladas para Natal, este descarregando no Armazém da Conab da Jerônimo Câmara.

Entre janeiro de 2012 e outubro de 2013, a Conab vendeu um total de 140 mil toneladas de milho por meio desta operação especial. Foram 120 mil atendimentos. O número de produtores cadastrados aumentou de 2,5 mil para 26 mil no período. A operação especial segue até 28 de fevereiro em toda a região da Sudene, conforme a Portaria Interministerial 985, de 8 de outubro de 2013.

Fonte: JH

Deixe uma resposta

Você pode usar essas tags e atributos HTML <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*