PEDRO AVELINO: ALEXANDRE SOBRINHO DE UMA INFÂNCIA FELIZ A UMA CARREIRA DE SUCESSO

ALEXANDRE
Fonte: http://osantoniosdepedroavelinorn.blogspot.com.br/

É filho do ex prefeito João Adauto da Costa e Severina Bezerra da Costa, ambos filhos do nosso torrão. Seu pai é muito querido na nossa cidade, pois seu João é uma pessoa muito sociável e possui muita consideração por seus Familiares e amigos, tendo uma atenção especial aos seus conterrâneos. O Casal possui como filhos também os advogados Henrique Costa e João Adauto da Costa Segundo.

ALEXANDRE1

Alexandre é casada com a senhora Rochelle Barros Câmara da Costa, filha do saudoso “Velho Maninho” e da senhora Dijanete Barros, ambos Pedro Avelinenses. O casal possui 3 filhas: Larissa Barros Câmara da Costa com 17 anos, Laura Barros Câmara da Costa como 13 e Lavínia Barros Câmara da Costa sua caçula, com 6 anos.

O hoje advogado Alexandre relembra de forma nostálgica que chegou em Pedro Avelino no ano de
 1975 (Ano da Morte de Padre Antas). Foi então matriculado por seus pais na Escola Estadual Abel Furtado, onde fez a 1ª Série do Ensino Fundamental. Tal matrícula se deu ao fato de que com a morte de Padre Antas, todos seus amigos como Darlan, Castilio, Marco Antônio e vários outros acabaram saindo da Escola Cônego Antônio Antas e foram para o Abel Furtado. Ele conclui assim, o ensino fundamental I, antigamente denominado de primário, no Abel. Seguidamente passa a estudar na Escola Estadual Joseja Sampaio Marinho, onde permanece até a 7ª Série. Seus pais então decidem encaminhar o segundo filho da família para capital do estado e o matriculam no Colégio Salesiano São José, finalizando o segundo grau no ano de 1986.

Seguidamente Alexandre presta vestibular para UFRN e obtém sua aprovação no Curso de Direito na UFRN. Concluído o curso de Direito, relata que foi aprovado na OAB em fevereiro de 1992 com média 7,6 e inicia suas atividades como advogados na capital do Estado. No começo da profissão, enfatiza que não tinha muita estrutura, morava no Serrambi III e usava sua moradia para lá mesmo atender alguns poucos clientes.

Alexandre relembra um pouco esse período…

Passei a cooptar clientes e ter total dedicação naquilo que fazia – isso é uma marca de meu trabalho – chegando a Assessor, e ao longo de toda minha atividade, atingi a marca de quase 1/3 das Prefeituras do Estado do Rio Grande do Norte. Ao longo de minha trajetória ocupei cargos na Assembleia Legislativa, Procuradoria Geral em São Gonçalo do Amarante, Secretário de Estado na FUNDAC, dentre outros”.

 

Prossegue detalhando um pouco de sua personalidade…

“Sou uma pessoa com uma doença hamada TOC, por isso sou perfeccionista no meu trabalho, sou incansável e muito dedicado naquilo que faço, apaixonado por minha família e sensível aos problemas sociais que me deparo. Não tenho preconceitos, todavia tenho dificuldades em se relacionar com as pessoas porque sou tímido, mais me esforço para superar isso e busco as conquistas com perseverança e muita atenção”.

Com relação ao tempo em que morou na nossa querida cidade ele declara…

 

“Minha infância marca a minha trajetória em Pedro Avelino, naquela época não tínhamos a estrutura que hoje temos, mais fazíamos de tudo um pouco. O futebol no campinho atrás da igreja, ou atrás da casa de Luiz Bambão, capitão de tropa, as fazendas de osso, tudo tinha naquela época. A relação de amizade não tinha classe social, era uma infância perfeita”.

Deixe uma resposta

Você pode usar essas tags e atributos HTML <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*